top of page

Luzes misteriosas no céu dos EUA assustam e viralizam nas redes


Imagem no céu da Califórnia e Oregon intrigou internautas.


Nos Estados Unidos, luzes misteriosas no céu chamaram atenção de moradores da Califórnia e Oregon no dia 19 de março. Os vídeos viralizaram nas redes sociais, e os internautas criaram teorias sobre o evento (até então) não compreendido. Seria um Objeto Voado Não Identificado (OVNI) novamente? Aparentemente, não foi o caso desta vez. Jonathan McDowell, astrônomo do Centro de Astrofísica de Harvard, garantiu que as imagens eram, na realidade, de lixo espacial que queimava ao entrar em contato com a atmosfera do nosso planeta.


O ASTRÔNOMO JONATHAN MCDOWELL GARANTIU QUE AS IMAGENS ERAM, NA REALIDADE, DE LIXO ESPACIAL QUE QUEIMAVA AO ENTRAR EM CONTATO COM A ATMOSFERA DO NOSSO PLANETA.

O especialista complementou a sua explicação, e mencionou que o lixo se tratava do ICS-EF, que foi usado para enviar dados do Módulo de Experiências Japonês por meio de um satélite. Lançado em 2009, acabou encontrando o seu fim e virando lixo espacial em 2020, há cerca de três anos. É válido ressaltar que, desde o início das atividades espaciais, aproximadamente 8.800 satélites permanecem desativados no espaço.


Apesar do susto relatado por muitos usuários, as imagens apresentam lixo espacial queimando ao retornar para a atmosfera da Terra.


O Sistema de Comunicação Inter-Órbita (ICS) da Kibo fornecia uma rede de intercomunicação independente entre a Kibo e o Centro Espacial Tsukuba (TKSC, JAXA). Comandos e dados de voz eram enviados do solo através do Data Relay Test Satellite (DRTS) da JAXA , conhecido como Kodama, para Kibo, e dados de experimentos, dados de imagem ou dados de voz eram enviados de Kibo para o solo. O ICS consistia em dois componentes do subsistema: o Módulo Pressurizado ICS (ICS-PM) e a Instalação Exposta ICS (ICS-EF) . O ICS-PM, instalado no PM, fornecia funções de comando e manipulação de dados. O ICS-EF é composto principalmente por uma antena e um mecanismo apontador que era utilizado para se comunicar com o DRTS.



2 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo
bottom of page